As 5 perguntas para definir quem é você

Fiz um post há algum tempo onde falava como era importante definir seu público alvo. Mas como tomar essa decisão?


Vejo muitos clientes falando "ahh Cris, eu atendo todo mundo". Lembre-se: quem atende todo mundo não atende ninguém.


Tem muita coisa em jogo quando decidimos quem é nossa audiência perfeita (porque iremos deixar para trás um outro bloco grande de consumidores). Esse nicho que você escolher será para quem você vai vender, para quem irá direcionar sua comunicação e seus esforços.

Para definir isso, você precisa entender o que faz de você, você. Isso mesmo, não foi erro de digitação não. Você precisa entender por que as pessoas querem comprar de você. O que você tem de especial?

Eu li outro dia em algum lugar que "você não pode pintar se não tiver paredes".

O mesmo acontece com seu branding. Muita calma nessa hora. Você precisa construir sua identidade antes de decorá-la (decoração = criar um logo).

Definir sua identidade começa com você se perguntando questões importantes sobre seu negócio. E eu criei um questionário para você ter um ponto de partida.

perguntas para definir voce

1 | Quem é você e o que você faz?

Parece óbvio, mas não é. Já fiz reuniões com clientes que não sabiam explicar o que faziam. Ou que davam voltas e voltas até se fazerem claros. Respire fundo e em uma frase tente explicar o que e o seu negócio.

No meu caso é: O Al Mass Design desenvolve a imagem do seu negócio para ajudar você a transformar suas habilidades em um negócio lucrativo.

2 | Onde está o seu diferencial?

Em uma frase escreva o que você oferece aos seus clientes. Depois liste seus serviços ou produtos e os benefícios que seu cliente em potencial terá se decidir te contratar.

Qual a sua diferença em relação a sua concorrência?
Por que seu público deve escolher você ao invés do seu concorrente?

quem eh voce.jpg

3 |  Qual é o seu público-alvo

Quem é o seu mercado? Especifique o seu consumidor ideal. Para quem você gostaria de vender (incluindo tudo, gênero, idade, classe social, onde trabalha, quanto ganha, o que gosta de fazer nas horas vagas etc.)?


Quanto mais específico você for, mais fácil será a sua comunicação com esse público. 


Por exemplo, vamos dizer que você é uma arquiteta e seu consumidor ideal é uma mulher de 35 anos, casada, que trabalha fora, classe A e adora ler revistas de decoração nas horas vagas. Vamos chama-la de Clara.

Onde a Clara vai no fim de semana? O que ela lê na mídia social? Que tipo de conta segue? Que influencer faz a sua cabeça? Que tipo de assunto ela procura na internet para ler? Acompanha algum blog? Qual seria? Ela gosta de fazer cursos?

Uma vez que você determine isso tudo, é lá que você tem que estar.

Se a Clara segue a hashtag #arquitetos, você tem que usá-la em todos os seus posts.

Se ela procura cursos de aprimoramento, e você vende esses cursos, procure um portal fácil de ser encontrado e nao apenas no seu Instagram, como por exemplo, o Sympla.

Se ela frequenta feiras de decoração, que tal anunciar no programa dessa feira.

Enfim, a Clara não vai comprar de você se ela não souber que você existe.

4 | Liste entre 5 e 10 palavras que melhor descrevam seu negócio

Há alguns dias eu estava conversando com um prospect e ele faz bolsas para vinho, bolsas de viagem,  almofadas personalizadas etc. Tudo feito à mão por ele. Que diferencial, não?

Por ele ser homem ele queria uma marca masculina, quando definimos que seu público alvo era formado por mulheres entre 30 e 50 anos, tivemos que abaixar um pouco o tom. Podemos trabalhar com cores mais escuras para passar essa masculinidade, porém com formas sinuosas, para poder conversar com esse público. Afinal, quem tem que se identificar com a marca, é o seu consumidor. 

E a sua marca, como seria?


Feminina, clean, vintage, moderna, sofisticada, popular, clássica?


5 | Por que você precisa de um novo logo e um branding?

Você esta inaugurando um novo negócio e quer começar com pé direito cuidando de todos os detalhes importantes? UHU! Palmas para você.

Ou você já tem uma marca, e até gosta dela, mas acha que ela está precisando de um banho de loja. Tudo bem também, algumas marcas precisam de um makeover de tempos em tempos

Com essas perguntas respondidas, é hora de você contratar um designer gráfico.
(Eu, Eu! Me escolhe!)

Sério agora. Com essas perguntas respondidas, você já tem informação suficiente para passar para a designer desenvolver todo o seu branding. Agora é só trabalhar duro, organizar seu material de apoio (cartão de visitas, papelaria institucional, timeline das mídias sociais) e ser feliz.